A popularização da Internet possibilitou que qualquer tipo de negócio possa ser realizado por meio da tela de um computador, celular ou tablet. Com esse avanço, também surgiram riscos quanto à segurança das informações que circulam pela rede. Por esse motivo a sua empresa não deve abrir mão de ter um analista de segurança da informação na equipe.

Na mídia existem diversas notícias de ataques de hackers a sites de bancos, de governos e de forças armadas no mundo todo. Isso vem se estendendo cada vez mais a médias e pequenas empresas. Com isso, o profissional de segurança da informação vem ganhando destaque e sendo valorizado.

No post de hoje, veremos a importância de haver um controle eficiente quanto aos dados da sua companhia e como faz diferença ter um analista em seu time.

O papel do analista de segurança da informação

Garantir a segurança e a integridade das informações de uma empresa exige que a TI esteja sempre à frente dos hackers, antecipando-se aos ataques e buscando soluções rápidas e eficazes quando estes forem inevitáveis.

O analista de segurança da informação é o profissional responsável por manter a segurança da rede, garantindo tanto o acesso físico aos equipamentos quanto aos dados do sistema e informações de clientes e servidores.

Ele também realiza a manutenção e a configuração da rede, monitora todos os aspectos relacionados à segurança constantemente, para que não haja ataques surpresa. Também é capaz de combater os vírus utilizados pelos hackers com agilidade, evitando maiores consequências para a organização.

Ao buscar um analista de segurança da informação, devem ser avaliados tanto a experiência do profissional quanto os cursos que constantes no currículo. É muito importante que haja constante atualização e conhecimento de todos os ataques realizados recentemente, para que se possam reunir condições de defender a empresa dos hackers. E não se esqueça de adotar técnicas para reter esse tipo de talento na empresa pelo maior tempo possível.

Pagamentos eletrônicos

O comércio eletrônico cresceu muito nos últimos anos e se tornou uma das principais ferramentas utilizadas pelos clientes na aquisição de produtos. Muitas vezes, a única forma de comprar pela Internet ― ou, pelo menos, a mais cômoda ― é por meio da digitação dos dados do cartão de crédito no site da instituição.

Esse é um dos momentos preferidos para que os hackers realizem ataques: por meio de mecanismos desenvolvidos por eles mesmos, essas pessoas capturam os dados e produzem clones dos cartões dos clientes.

Outra forma muito comum é a invasão a sites de instituições financeiras, transferindo saldos de clientes sem que estes possam se defender. Nesse cenário, o analista de segurança da informação possui os predicados necessários para prevenir este tipo de ataque.

Dados em nuvem

Uma possibilidade que a Internet trouxe para as empresas é o armazenamento de dados sigilosos em nuvem. Embora seja um sistema mais prático e barato, ele tira as informações do ambiente interno da organização, tornando-os mais suscetíveis a fraudes. O analista de segurança da informação é o profissional responsável por manter a estabilidade e a segurança dos dados na nuvem, aumentando a tranquilidade dos clientes.

Podemos ver que existe grande importância no papel do analista de segurança de informação para todas as empresas, independentemente do segmento ou do porte da companhia. Afinal, inúmeros dados são sigilosos, e mantê-los a salvo deve estar entre as prioridades corporativas.

Como você vem agindo para manter dados sigilosos em sua empresa? Tem alguma sugestão ou contribuição sobre o papel do analista de segurança da informação? Participe deixando seu comentário!